instituto das religiosas do sagrado coração de maria
 
província portuguesa
 
IRSCM CEJG Comtigo FASCM Lares Residências Residências Universitárias Lares Universitários IRSCM CEJG Comtigo FASCM Lares Residências Residências Universitárias Lares Universitários Lares Residências Residências Universitárias Lares Universitários Lares Residências Residências Universitárias
 
Próximos Eventos
22-09-2017 a 24-09-2017
Reunião de Coordenadoras RSCM - em Viseu
27-09-2017
Tarde em família - "Sabedoria de vida"- Residência de Viseu
 
 

Para que Todos tenham Vida e a tenham em Abundância!

(João 10,10)



Chamadas a ser Religiosas hoje

A formação deverá ter as características da iniciação ao seguimento radical de Cristo. Uma vez que o fim da vida consagrada consiste na configuração com o Senhor Jesus, é necessário levar à prática um itinerário de progressiva assimilação dos sentimentos de Cristo com o Pai.
(cf. Partir de Cristo, 18)

Resposta a um chamamento

Como Religiosas do Sagrado Coração de Maria somos chamadas a uma caminha na fé, a uma vida de relação cada vez mais íntima com Deus; a viver o Evangelho de um modo autêntico, a continuar a missão de Jesus Cristo que veio para que todos tenham vida.
(cf. Constituições IRSCM 1)


O desenrolar progressivo no tempo, do chamamento de Deus e a nossa resposta, é a essência da nossa formação como Religiosas do Sagrado Coração de Maria. Este chamamento a seguir Jesus Cristo, não é feito de uma vez para sempre, é um convite a uma resposta quotidiana ao amor transformador de Deus, em cada uma de nós e em todas como Instituto. Nesta resposta o nosso modelo é Maria, mulher de fé, mulher cheia do Espírito, a pobre de Yavé, aquela que acolheu todas as coisas e as meditou no seu coração, a que ouviu a Palavra de Deus e a pôs em prática e a que no amor gerou Jesus Cristo e O fez nascer para os outros.
(cf. Constituições IRSCM 56)


O Espírito de Deus é o agente principal da nossa formação

Abertas ao Espírito de Deus, que é o agente principal da nossa formação, cada uma de nós é a primeira responsável em responder continuamente à acção de Deus na sua vida. Reconhecendo que todo o crescimento humano se realiza num contexto de relacionamento com os outros, encorajamo-nos mutuamente em comunidade a responder à conversão constante que Deus quer de nós.
(cf. Constituições IRSCM 58)



Processo de toda a vida


A nossa formação é a de um Instituto apostólico. É um processo de toda a vida, partilhado em comunidade, que envolve: crescimento pessoal em integridade e santidade, interiorização do Evangelho numa vida de castidade, pobreza e obediência; crescimento humano, intelectual, profissional e desenvolvimento dos nossos talentos; crescimento no amor e no espírito do Instituto; contínuo aprofundamento bíblico, teológico e eclesial; profundo compromisso com a missão de Jesus e da sua Igreja, dando particular atenção ao apelo à justiça e à solidariedade com os pobres.
(cf. Constituições IRSCM 57)


Etapas e áreas de formação

É um processo que se vai realizando gradualmente através de diferentes etapas – desde o primeiro contacto com a pessoa responsável pela pastoral vocacional, passando pelo pré-noviciado, noviciado, profissão temporária e profissão perpétua.
Em cada etapa, descobrimos e aprofundamos o apelo de Deus e a nossa participação no carisma do Instituto.

Os programas de formação contemplam três áreas:

        Chamadas a ser pessoas integradas em comunidade

        Chamadas a enraizar-se em Deus

        Chamadas a ser discípulas em Missão.


O processo no seu conjunto supõe continuidade, clareza e criatividade. Cada uma destas etapas exige um discernimento adequado, acompanhamento pessoal e avaliação.